domingo, 2 de março de 2008

revista embranco

Passei por um cartaz pequeno, algo como um A4, enquanto caminhava pelo Centro de Artes (CEART) esperando o início de uma reunião. O jogo de linhas horizontais feitas a mão, linhas estas que deixam-se recortar por círculos preenchidos e por um grande círculo de traços inquietos, chamou a minha atenção.

Sua função de mídia de divulgação estava mais do que ultrapassada, mas seu valor expressivo, e sua qualidade de papel marcado pelo tempo (intempéries, rugas, dobras), tornam-o um cartaz que fala sobre sua superfície enquanto testemunha do tempo. PAPEL - PAREDE - PAREDE - PAPEL

Mudando de enfoque: entrando no site Meiapalavra, é possível ler um descrição da revista embranco, a edição número zero do grupo meiapalavra:

Meia palavra: revista EMBRANCO número um é um experimento outro em micro-editoração, caixa pequena de surpresas, quadrado quadro quatro folhas A4, dobraduras e encadernos, à mão mão mão, capinha serigráfica, coisa boa só prá ver, revista meio verde, meio palavra meio entendedor, exemplares poucos pra escritos crianças, filhotes de escritos, escritinhos / a tiragem curta é pra ter mais amor em cada livro, a alegria é o trabalho de editar encadernar diagramar escrever imprimir com carinho cada querido textos esparsos de comparsas e não, curadoria não há, poeta é quem se diz.

Também é possível baixar o PDF dela nesse link. Claro que não é a mesma coisa... Gostaria de ter um exemplar, mas acho que cheguei tarde.

Destaque especial para a capa, muito bacana.
danpiantino

2 comentários:

Anita disse...

opa,fiquei com invejinha branca!
Parabéns para eles, pela iniciativa!

DanPiantino disse...

nem fala, dá vontade de fazer também, né? Pelo que eu entendi foi uma proposta artística, mas nada melhor para colocar poemas que um livro de arte!

Vou tentar me matricular na Oficina de formas gráficas do CEART! Não vou fazer muita coisa, mas vou aprender sobre gravura, que é tudo de bom!

Fiquei afim de conversar com os caras, pra entender melhor a proposta deles. Quem sabe...
danpiantino

DESPIROGRÁFICO

conectando desde 09/2007

DESPIROGRÁFICO

meu mundo é observar